contabilidade MEI

Importância da contabilidade para o empresário individual

O empresário individual é aquele que não possui sócios, ou seja, possui somente um proprietário. Sua receita deve ser superior a R$81 mil e inferior a R$360 mil por ano.

As obrigações tributárias e trabalhistas devem ser cumpridas para que o empresário individual possa receber benefícios como seguridade social e previdência privada. E será que o empresário individual precisa de uma contabilidade?

Mas antes, vamos entender mais sobre o empresário individual.

Empresário individual: o que é?

Segundo o SEBRAE, o empresário individual (anteriormente chamado de firma individual) é aquele que exerce em nome próprio uma atividade empresarial. É a pessoa física (natural) titular da empresa.

O patrimônio da pessoa natural e o do empresário individual são os mesmos, logo o titular responderá de forma ilimitada pelas dívidas.

Tipos de empresa individual

As empresas enquadradas no Simples Nacional (regime jurídico) podem ter  duas opções:

  • Empresário Individual (EI);
  • Empresário Individual de Responsabilidade Limitada (EIRELI).

Suas vantagens são:

  • Não precisa de um sócio para iniciar seu negócio;
  • Podem escolher o Regime de Tributação que preferirem, inclusive o Simples Nacional, caso as atividades sejam permitidas no Simples;
  • Ambos possuem o Requerimento de Empresário, que é como se fosse o “Contrato Social” do Empresário Individual;
  • Atividades permitidas são inúmeras;
  • Limite de faturamento bem mais alto.

Empresário individual precisa ter contabilidade?

O Empresário Individual precisa ter contabilidade e também é obrigado por lei a fazer a escrituração contábil.

A partir do artigo 1.179, a Lei 10.406/2002 fala sobre a obrigatoriedade da escrituração contábil para as empresas brasileiras.

De acordo com ela, todos os empresários ou sociedades empresárias são obrigados a seguir um sistema de contabilidade com base na escrituração dos livros contábeis.

Além disso, os empresários devem fazer balanços patrimoniais e de resultado econômico todos os anos.

Por meio da escrituração contábil, é possível fazer um controle do patrimônio da empresa com base no registro cronológico dos acontecimentos contábeis.

Vendas, compras, recebimentos ou empréstimos são todos registrados e são muito úteis para fazer a gestão patrimonial do negócio. Tudo isso deve ser realizado por um contador habilitado ou por um escritório de contabilidade.

Além disso, o contador é responsável por assinar o fechamento dos livros contábeis anuais.

Importância da contabilidade

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 60% das empresas fecham com menos de cinco anos de atividade. Isso acontece por dois motivos principais: falta de planejamento e ausência ou ineficácia da gestão financeira.

A importância da contabilidade para empresas vai apresentar ao empresário todos os valores de seus custos, despesas, receitas, lucratividades, ativos e passivos. Por englobar tantos números importantes para o bom funcionamento de uma organização, ela é essencial para auxiliar em passos que contribuem para a sua ascensão.

As análises técnicas feitas pela contabilidade auxiliam na direção do negócio para o melhor rumo com clareza, como também na tomada de decisão de maneira mais assertiva.

As informações coletadas são desmistificadas da burocracia e contexto gerencial, fazendo com que a contabilidade tenha papel fundamental em todos os elementos que influenciam no negócio, com foco na parte contábil, financeira e administrativa.

 

A contabilidade ajuda na gestão do negócio?

Além de organizar e auxiliar na gestão fiscal da empresa, a contabilidade ajuda na gestão do negócio com ações para promover, apoiar e fundamentar decisões administrativas, como também alcançar resultados esperados.

No dia a dia, a contabilidade auxilia na:

  • Previsibilidade de lucro;
  • Planejamento de despesas;
  • Antecipação de imprevistos;
  • Previsibilidade de crescimento;
  • Organização do controle financeiro;
  • Auxílio no fluxo de caixa;
  • Entrega de obrigações acessórias;
  • Auxílio no planejamento estratégico;
  • Planejamento tributário.

Papel da contabilidade

São vários os papéis e objetivos assumidos pela contabilidade, sendo o primeiro fornecer informações para governos, fornecedores, bancos, investidores, funcionários e sindicatos baseado nas necessidades do empresário individual.

Na sequência, avalia a situação financeira e econômica da empresa para criar um planejamento adequado com o crescimento desejado. Isso envolve contas a pagar e a receber, patrimônio e muitos outros.

Com isso, são geradas as demonstrações contábeis, tais como Balanço Patrimonial, Demonstração do Resultado do Exercício, Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados e Demonstração de Origens e Aplicação de Recursos.

Em alguns casos, é preciso ainda a mudança de critério contábil, taxa de juros, taxas de depreciação de ativo que são demonstradas em notas explicativas, que devem sempre ser realizadas pela contabilidade.

Como empresário individual é possível terceirizar a contabilidade?

No Brasil, muitas alterações ocorrem com frequência e existe excesso de burocracia em alguns pontos empresariais, quando não vistos com antecedência.

Esses fatores dificultam o gerenciamento da empresa e por isso a contabilidade é fundamental para acelerar a qualidade da gestão da empresa.

Com a terceirização, é possível que seu negócio, como empresário individual, seja assistido nas rotinas administrativas, financeiras e contábeis sem elevar os custos, podendo contar com conhecimento especializado, profissionais com know-how em diferentes assuntos obrigatórios na empresa, mantendo as obrigações fiscais e trabalhistas em dia, aumentando eficiência com as entregas ao governo.

Além disso, contando com um time de especialistas, é possível ter uma consultoria flexível com o foco nas necessidades e nos resultados esperados.

Para seguir com segurança, a Contabilizei tem uma equipe de profissionais especializados para um acompanhamento completo da sua empresa, com qualidade e eficiência.

 
Confira mais:
 


compartilhar no WhatsApp

compartilhar no e-mail